fbpx
o que é óleo essencial

Você sabe o que é óleo essencial? Nós explicamos!

É provável que você já tenha ouvido falar sobre a aromaterapia. Sua prática envolve óleos essenciais, que trazem diversos benefícios para o corpo, proporcionando bem-estar. Mas, antes de fazer uso dessa técnica da medicina alternativa , é importante entender o que é óleo essencial e como ele age.

Os benefícios dos óleos essenciais podem ser obtidos através da inalação ou através da absorção da pele. Eles penetram no organismo e são absorvidos pela corrente sanguínea, abrangendo diversas propriedades terapêuticas.

Quer entender melhor como esse processo funciona? Continue a leitura!

O QUE É ÓLEO ESSENCIAL?

Os óleos essenciais são extraídos das plantas, isso inclui as sementes, raízes, flores, caules, cascas, frutos, entre outras partes. Tudo é aproveitado. Obtido através de técnicas de extração como prensagem a frio e destilação, os óleos apresentam diferentes características.

Por ser um composto volátil, suas pequenas moléculas orgânicas podem mudar rapidamente de um estado sólido ou líquido para um gás à temperatura ambiente. Sendo assim, quando um frasco com óleo essencial é aberto, é possível sentir seu odor com rapidez mesmo em longas distâncias. E isso acontece devido às propriedades dos compostos voláteis.

BENEFÍCIOS DOS ÓLEOS ESSENCIAIS

Ao serem inalados ou absorvidos pela nossa pele, os óleos essenciais podem proporcionar diferentes benefícios para a saúde. Tanto o estado físico quanto o psicológico podem ser beneficiados com os óleos. Confira:

DIMINUI A ANSIEDADE

Inalar aromas como o óleo essencial de laranja, permite que a pessoa se sinta mais calma. É provável que esse óleo barre os hormônios do estresse e relaxe o indivíduo. Além disso, há uma melhora no humor.

MELHORA A CONCENTRAÇÃO

Os óleos essenciais de alecrim e canela potencializam o desempenho ao realizar tarefas. Assim, também aumentam a energia, diminuem a fadiga e reduzem a frustração.

ALIVIA O ESTRESSE

Outro aliado contra o estresse é o óleo de hortelã. Esse conhecido aroma, diminui os níveis de cortisol, hormônio ligado ao stress, proporcionando relaxamento e melhorando a qualidade do sono.

DIMINUI A PRESSÃO ARTERIAL

Em 2013, um estudo publicado na US National Library of MedicineNational Institutes of Health, demonstrou que mulheres que sentiam o cheiro da esclareia, um tipo de sálvia, tinham a pressão arterial reduzida. Sobretudo, durante a realização de exames médicos, constatou-se que o óleo também proporcionava relaxamento. Além disso, o óleo de sálvia ajuda na memória. 

ALIVIA A TPM

Durante a TPM, é comum sentir-se triste, cansada e confusa. O óleo de lavanda pode inibir esses sintomas e promover o relaxamento. Também previne a insônia e as enxaquecas.

Vale lembrar de que os óleos essenciais podem ser usados em massagens, banhos de infusão, compressas quentes ou frias, assim como simplesmente serem utilizados como aromatizadores no ambiente. Ademais, não existe regra de quando os óleos essenciais podem ser indicados. Por isso, é comum eles fazerem parte do cotidiano das pessoas.

No entanto, é o profissional médico o mais indicado para orientar sobre a melhor forma de usar o óleo essencial. Afinal, com tantas propriedades e tipos de usos, pode ser difícil saber qual óleo escolher. Dessa forma, os óleos essenciais podem ter seus efeitos potencializados com a devida orientação médica. 

Gostou de saber mais sobre o que é óleo essencial? Gostaria de continuar lendo sobre saúde e bem-estar? Assine nossa newsletter! Você receberá um conteúdo novo a cada semana.

Referências: Unimed e Beleza e Saúde

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.