fbpx
exposição ao sol

Veja o que a exposição ao sol sem proteção provoca na pele

A produção de vitamina D traz grandes benefícios ao organismo. O fortalecimento muscular e um melhor equilíbrio entre a mente e o corpo são alguns exemplos. Dito isso, a exposição ao sol se torna importante para conquistar esses objetivos.

Entretanto, você não pode se expor ao sol de maneira desprotegida. Afinal, essa falta de cuidado gera muitas consequências e põe em risco a sua saúde. Por isso, é essencial seguir boas práticas na intenção de manter uma boa qualidade de vida.

Quer saber como? Então, continue conosco. Mostramos nos tópicos abaixo muitas informações sobre o tema para você priorizar bons hábitos diários. Boa leitura!

O hábito de usar protetor solar

Independentemente da estação do ano, o uso de protetor solar é muito necessário. Afinal, a radiação ultravioleta está presente em dias quentes e até mesmo em dias nublados. Mas apesar de ser algo comum entre a população, ainda há pessoas que não tomam esse cuidado diário.

Por incrível que pareça, existem grupos que dispõem de uma certa resistência ao uso desse cosmético. Diante disso, ficam vulneráveis ao aparecimento de doenças e ao envelhecimento precoce da pele. Sobretudo, ao se exporem em horários que apresentam uma maior incidência de raios UVA e UVB.

A importância da exposição ao sol

Além de proporcionar uma sensação de bem-estar, a exposição ao sol traz diversos benefícios à saúde. Ao se expor de maneira adequada é possível se prevenir de problemas cardíacos e doenças crônicas, como a osteoporose e a hipertensão, pela ativação da vitamina D no organismo.

E apesar de existirem alimentos ricos em vitamina D, como peixes e ovo cozido, nem sempre a quantidade diária que o corpo necessita é obtida através da alimentação. Por isso, é importante separar um tempo do seu dia para receber a luz do sol.

O melhor horário para a exposição ao sol

O horário entre 10h e 16h dispõe de uma maior concentração de raios UVB. Logo, existem os efeitos nocivos que a exposição excessiva provoca. Então, prefira momentos antes ou depois desse período.

Além disso, há diferenças entre as pessoas de pele clara e pele escura. É recomendado que o primeiro grupo se exponha com cuidado por, pelo menos, 15 minutos. Já o segundo, a um período entre 30 minutos a 1 hora. Ambos, de preferência, com o uso de um protetor solar com FPS indicado para suas características de pele.

Os principais efeitos da exposição excessiva

Como foi dito, a exposição ao sol feita de maneira incorreta traz efeitos nocivos. Por exemplo, o envelhecimento precoce da pele, o surgimento de manchas e a perda da elasticidade, além das queimaduras.

Além disso, os efeitos da radiação solar podem gerar problemas como fotoconjuntivite, câncer de pele e desenvolvimento da catarata. Por isso, é importante também usar óculos de sol com lentes fotoprotetoras.

Então, no momento de tomar aquele solzinho, use roupas adequadas, chapéu, óculos de sol e protetor nas principais áreas que ficam expostas. Lembre-se também de se hidratar regularmente.

Por fim, não se esqueça de reaplicar o produto a cada 2 horas de exposição ao sol. Assim, você fará tudo de maneira correta e sem gerar riscos à sua saúde. Ah, e se entrar na água, reaplique o produto. Uma dica importante é investir em uma solução que pode ser hidratante, creme anti-idade e protetor solar no mesmo produto.

Quer conhecer mais sobre esses cuidados? Então, continue a leitura neste artigo sobre o que são os cosméticos manipulados e quais são os benefícios.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.